Empresários da província de Nagano reúnem-se com representantes do Parque Tecnológico de Itaipu (PTI) em Foz do Iguaçu

2013年05月 20日 Posted in ブラジル
Empresários da província de Nagano reúnem-se com representantes do Parque Tecnológico de Itaipu (PTI) em Foz do Iguaçu

Aconteceu na manhã desta segunda-feira, 20, o encontro entre representantes do capital privado japonês de equipamentos e medidores do setor elétrico (Hioki E. E. Corporation), e consultoria empresarial (FMO. Co., Ltd.) com membros do Parque Tecnológico de Itaipu (PTI).

De acordo com informações fornecidas pelo chefe da missão, Satoshi Tsuda, a visita faz parte de um roteiro institucional agendado diretamente com o presidente do parque, Juan Carlos Sotuyo, durante a participação do Paraná no “2nd Brazil-Japan Energy Efficiency Workshop”, evento realizado em Tóquio no início do ano e que contou com a co-coordenação da Câmara. “Em fevereiro o presidente Sotuyo visitou a nossa província (Nagano), em especial o município de Ueda-shi. Na ocasião, o mesmo teve a oportunidade de conhecer empresários e lideranças locais interessadas em expatriarem produtos e soluções ao Brasil, sendo este trabalho de incubação empresarial (realizado pelo parque) algo que nos interessa e com certeza nos motiva a estudarmos futuras parcerias” disse.

Tsuda, que além de presidente da FMO é representante da Câmara do Comércio e Indústria Brasil Japão do Paraná em território japonês, realçou ainda que a estrutura apresentada pelo parque pode tornar-se referência sobretudo para pequenos e médios empresários que queiram se estabelecer no Paraná. “Muitas pequenas e médias empresas do Japão precisam de um apoio integral no que diz respeito a sua permanência no estado, principalmente nos primeiros meses. O setor de empreendedorismo do PTI - a exemplo de outros modelos de incubação empresarial - pode servir de base de apoio a empresas japonesas recém estabelecidas no país, desenvolvendo um sólido trabalho conjunto” completou.

Segundo Hedryk Daijó, representante do PTI Empreendedorismo, o parque encontra-se de braços abertos a empresas japonesas que queiram desenvolver um trabalho em conjunto e a longo prazo. “Através deste trabalho de atração e mediação proposto pela Câmara, o PTI vem cada vez mais estreitando suas relações institucionais com empresários e entidades do Japão. Compreendendo a importância desta crescente demanda, reforço a nossa disponibilidade em estudarmos em conjunto a celebração de parcerias, especialmente as que envolvem transferência tecnológica e intercâmbio de conhecimento” finalizou.

Além da reunião realizada na sede do parque, a comitiva também realizou visita panorâmica a Itaipu Binacional.

NEWS一覧